Home

N.º 170 (Jan. 2009)

Eduardo Lourenço, 85 anos

Colóquio/Letras n.º 170

Ensaio

Nota introdutória. Eduardo Lourenço ou o primado da interrogação / Guilherme d'Oliveira Martins
15  [Intervenção de Abertura] / Emílo Rui Vilar
18  [Intervenção de Abertura] / José António Pinto Ribeiro
20  [Intervenção de Abertura] / Jaime Gama
24  O exílio como cultura política portuguesa / Carlos Leone
32  Eduardo Lourenço herdeiro da Geração de 70 e da primeira «Seara Nova» / Guilherme d'Oliveira Martins
35  Dançando na corda bamba : mito e mitologia nacional na obra de Eduardo Lourenço / Ingemai Larsen
41  O fim da excepção atlântica e a descolonização da Europa / Margarida Calafate Ribeiro
51  Do labirinto da Saudade ao fio de Ariadne do Instante / Paulo Borges
59  De José Marinho a Eduardo Lourenço, passando por Álvaro Ribeiro e Agostinho da Silva / Renato Epifânio
74  Leitura e nacionalismo (Eduardo Lourenço) / Victor K. Mendes
84  Antero de Quental e Eduardo Lourenço : textos de polémica / Ana Maria Almeida Martins
95  Eduardo Lourenço, crítico literário / Annabela Rita
104  Eduardo Lourenço : Teixeira de Pascoaes e a Saudade / Maria das Graças Moreira de Sá
113  O ensaio à Eduardo Lourenço : existo, logo penso (e sinto) / Onésimo Teotónio Almeida
118  A excepção portuguesa e a soberania do crítico : Eduardo Lourenço e o ensaio como forma do trágico / Roberto Vecchi
124  Um texto sobre o «Orfeu» e a «Presença» / Ana Cristina Marrucho
132  Eça e Pessoa no labirinto de Eduardo Lourenço / Ana Nascimento Piedade
138  Eduardo Lourenço queirosiano / Carlos Reis
147  Encontros de confrontação que nos faltam : Eduardo Lourenço e Maria Gabriela Llansol / Maria de Lourdes Soares
163  A vida da metáfora na escrita diarística de Eduardo Lourenço / Patrícia Sacadura
174  O existencialismo : diálogo entre Eduardo Lourenço e Vergílio Ferreira / Celeste Natário
183  As pedras brancas de Eduardo Lourenço : para uma fenomenologia do ensaio / João Barrento
189  Enigmática e Situação no pensamento de José Marinho e Eduardo Lourenço / Jorge Croce Rivera
219  Pela mão de Heidegger e Lacan. Ontologia e imaginário em Eduardo Lourenço / Maria Manuel Baptista
236  Eduardo Lourenço, hermeneuta do imaginário português / Maria Teresa Rodrigues
251  Representações da América no pensamento de Eduardo Lourenço / Viriato Soromenho-Marques
258  Democracia e socialismo em Eduardo Lourenço / António Braz Teixeira
266  Nos labirintos do poder impotente / Luís Machado de Abreu
273  Eduardo Lourenço e o conceito de «colonialismo orgânico» / Miguel Real
278  Eduardo Lourenço, socialismo e heterodoxia / Paulo Ferreira da Cunha
288  A Europa e a «excepção» francesa segundo Eduardo Lourenço / Dulce Martinho
298  Imaginar a Europa : de sujeito a «enjeu» da História / João Tiago Pedroso de Lima
307  Espelho e mito : a ideia de Europa em Eduardo Lourenço / José Eduardo Franco
318  A dialéctica aberta de Eduardo Lourenço / Mendo Castro Henriques
330  Os labirintos da interpretação de Portugal / Dália Dias
338  O entrevistado e o entrevistador : ou de como Eduardo Lourenço nos devorou e nós o devorámos / Carlos Câmara Leme
343  Crítica e clínica em Eduardo Lourenço : uma análise didáctica do português contemporâneo / João Francisco Santos
359  O papel das elites e o (ab)uso da História na construção labiríntica da identidade nacional / Sérgio Quaresma

370  [Testemunho] / Maria Helena da Rocha Pereira
373  [Testemunho] / António Lobo Antunes
376  [Testemunho] / Fernando J. B. Martinho
378  [Testemunho] / Gastão Cruz
383  [Testemunho] / Helder Macedo
384  [Testemunho] / João Bénard da Costa
387  [Testemunho] / José Saramago
390  [Testemunho] / José Carlos de Vasconcelos
395  [Testemunho] / Manuel Alegre
398  [Testemunho] / Robert Bréchon
400  [Texto de encerramento] / Eduardo Lourenço

© Fundação Calouste Gulbenkian, 2006-2017